29 outubro, 2017

Catequese criativa: Identidade cristã




Para falar sobre a identidade da Igreja Católica, entreguei para os catequizandos uma carteira de identidade cristã. Aqui na Internet tem alguns modelos. Você pode baixar um modelo de identidade comum e personalizar do jeito que quiser. Vi alguns modelos que  estão preenchidos com os dados da nossa vida cristã, como por exemplo filiação, local e data de nascimento.   Aja criatividade!

Como eu personalizei a identidade cristã?






Material utilizado:
-Papel vergê ( Em torno de 20,00 reais, na cor verde claro). Este papel fica perfeito.

Com um modelo de identidade comum e trabalhando no Paint, fui apagando todos os campos da identidade. Retirei tudo:  cabeçalho, assinatura, dados do verso.

No verso, eu colei a oração do credo- Símbolo dos apóstolos- porque esta oração é um resumo da nossa fé.

Depois de muitos testes, eu decidi por uma identidade minimalista! rsrs



*Esta oração do credo (em azul), eu baixei do Google. Se for imprimir, verifique se a resolução está boa. Eu acabei imprimindo a oração em separado e colado no verso da identidade, porque a impressora não estava boa.




Pedi para que desenhassem no lugar reservado à foto. (Pode colar uma foto 3x4 também).




Tive problemas com o cartucho da impressora. Por isso, precisei escrever com caneta. O nome da Igreja eu imprimi  e colei. Deixei aqui o modelo para você imprimir com essas informações já.






Como este material me ajudou a desenvolver o tema "Identidade da Igreja católica"

Eu li alguns textos de vários autores católicos e assisti a um vídeo do Professor Felipe Aquino sobre Identidade da Igreja. Inclusive, no vídeo, o professor compara uma identidade civil com a identidade da Igreja.

Eu incluí na identidade cristã alguns pontos importantes que nos identificam como cristãos: O credo, as palavras "Filho(a) de Deus (Batismo nos concede a identidade cristã, um novo nascimento.) Pensei ainda em incluir outros símbolos importantes: a cruz (sinal do cristão), a pomba do Espírito santo (Segundo o Papa Francisco,  é a "identidade do cristão"). Acabei optando por não colocar muitos símbolos.  Não tive tempo, mas queria criar uma identidade cristã em tamanho A4 para colar no quadro branco.


O que não deu certo no planejamento do encontro- Aprenda com meus erros



-Imprima em um rascunho antes de imprimir no papel definitivo. Eu fiz um modelo e imprimi umas 5 carteiras. Depois não gostei e perdi o trabalho que já tinha feito. 

-Tenha cuidado com imagens que irá utilizar: veja a fonte da imagem e verifique se tem direitos autorais. Pesquisei imagens na Internet para colar na carteira. Gostei de uma imagem com uns dizeres sobre jovens cristãos e depois descobri que era uma logomarca de um movimento evangélico! 

-Planeje com antecedência! Eu tive problemas familiares e precisei viajar. Quando fui montar a lembrancinha, eu estava a um dia do encontro de catequese. Precisei comprar tinta para impressora. Depois a impressora deu defeito e não queria imprimir, ou seja tudo o que se prepara com antecedência tem mais chance de resultados melhores.



"Sempre em frente!"
Cris Menezes
Catequista- Distrito Federal

13 outubro, 2017

Atividade "O que é a Bíblia"- Paróquia N.S das Graças-Valinhos-SP



 Que surpresa linda! Recebi uma mensagem da Catequista Sarah Guimarães de Valinhos-SP. A Sarah é catequista junto com a Sandra Catarina. Inspirada na lembrancinha "Ligue a Bíblia" (que elaborei aqui no blog) elas confeccionaram esta lembrancinha junto com os catequizandos. Ela  me enviou algumas fotos das crianças fazendo a lembrancinha! As fotos ficaram muito fofas e as lembrancinhas, lindas!





Quando bolei esta lembrancinha, eu estava sem turma na catequese, portanto não pude levar esta atividade para a catequese.  Agora, ao ver um projeto aqui do blog na catequese lá da paróquia de Valinhos-SP me deixou muito feliz. Obrigada, Sarah e Sandra!


O link do passo a passo desta lembrancinha está aqui.
Se vocês se inspirarem em algum material do blog para desenvolver na catequese aí da paróquia de vocês e quiserem me enviar fotos do material, eu publicarei aqui. Pode entrar em contato comigo pelo email contato@catequizandofeliz.com.


Deus cuida de nós
Cris Menezes
Catequista- Brasília-DF


05 outubro, 2017

A Revista Digital dos Catequistas Unidos

Queridos irmãos e irmãs, a Paz de Cristo!
É com grande alegria que apresentamos a mais nova ferramenta de comunicação para os Catequistas: A Revista Digital dos Catequistas Unidos!
Este está sendo um projeto pensado com bastante carinho, buscando aproximar ainda mais os Catequistas na internet que buscam aprofundar seus conhecimentos e também compartilhar suas experiências na vida pastoral.




A cada mês, será uma nova edição com conteúdo formativo e informativo, preparado por Catequistas que vivenciam o dia-a-dia da Iniciação à Vida Cristã.
Você gostou do nosso projeto? Quer fazer parte dele? Converse conosco através dos contatos abaixo e junte-se a nós!

Um fraterno abraço!

Equipe Catequistas Unidos

04 outubro, 2017

Encontro de Catequese de Crisma: Mandamentos



Sabia que o encontro que eu tinha mais dificuldade de planejar era "Aliança entre Deus e o povo"?  Eu achava complicado falar sobre isso. Hoje tento retirar do tema uma palavra e transformar em um símbolo que eu posso facilmente levar para o encontro. É como tornar concreto o tema. E é daí que surge o lúdico da minha catequese! Descobrir a essência de cada encontro e traduzir isso em imagem para o catequizando poder ver: dos olhos, a mensagem  chega ao coração.

Lembro de uma dinâmica que vi sobre aliança e bambolês em 2016 (veja no final deste post).  Na época, fui além da brincadeira proposta:  enfeitei os bambolês e colei frases sobre a aliança. (Infelizmente eu perdi as fotos desse encontro.)


Ambientação


Para ambientar a sala, eu utilizei dois bambolês (porque parecem uma aliança gigante).  Ficou  assim:





Eu colei os 10 mandamentos numa tábua. Comprei numa lojinha de festas. É uma mini prateleira e utilizei a parte de trás porque formavam dois blocos, como um livro aberto!




Planejamento: Método ver-julgar-Agir


 Eu planejei o encontro utilizando o método ver-julgar-agir. Não queria  associar mandamentos com leis civis, como é geralmente feito os  planejamentos sobre este tema. Queria relacionar mandamentos com amor de Deus.


Ver
 "Eu vi a aflição do meu povo que está sofrendo no Egito." CF Êxodo 3, 7-10
Escrevi num papel: Por que as pessoas sofrem?

Pedi para que partilhassem sobre esta pergunta. Depois eles escreveram num papel uma palavra que faziam as pessoas sofrerem. Colamos os papéis fora da aliança.

Julgar
Êxodo 20, 1-4
Mateus 22, 37

Depois da partilha da palavra de Deus, falei sobre a aliança que Deus fez com Moisés ao entregar os 10 mandamentos. Deus fez uma aliança de amor com o povo que andava errante, que caía, que pecava, brigava entre si... (Alguma coincidência com nós, povo de Deus contemporâneo?) Deus queria caminhar com o povo de Israel.

Questionei sobre o que significa usar a aliança de casamento. Fidelidade, união e compromisso, não é mesmo? Da aliança de casamento, é mais fácil para eles compreenderem o que quer dizer Deus fazer uma aliança com o povo. 

Quando estava planejando o encontro, li no livro "O catecismo ao alcance de todos (autor:  Dom Zeno Hastenfufel) que os mandamentos são as cláusulas da aliança de Deus. E levei meu planejamento para este rumo: aliança!

É bom falar de mandamentos como:

 -pistas para felicidade: Os mandamentos são caminhos  que nos farão felizes. Não quer dizer que não teremos mais problemas, não é isso. Seremos felizes porque Deus caminha ao nosso lado, nos fortalece, enche nosso coração de amor para sermos capazes de amar e perdoar os outros. 

- sinais que indicam o caminho: Já  planejei muitos encontros comparando os mandamentos com sinais de trânsito que nos indicam qual caminho seguir, que direciona nosso caminhar. Nós andamos sozinhos, sem direção. Os 10 mandamentos orientam nosso caminho.

Em resumo: 

Os três primeiros mandamentos referem-se ao nosso relacionamento com Deus e os outros, ao nosso relacionamento com os outros. Uma cruz nos mostra essas duas realidade: os braços da cruz: é o encontro com o outro. A parte de cima da cruz: nos conecta com Deus. E no meio desses dois encontros, precisamos também encontrar com nós mesmos e cuidar de nós.

Os 10 andamentos se resumem em dois: amar a Deus e a amar ao próximo como Deus nos ama. É uma medida generosa de amor. Então, foque seu planejamento no amor de Deus, de um Deus que quer caminhar com a gente.


Agir
Questionei:  Qual o novo olhar a partir deste encontro? Quais  as mudanças que  precisamos fazer na nossa vida?  Quais as pequenas ações para viver os mandamentos?

Voltei para as frases do início do encontro, lembra? Transformamos essas palavras que nos fazem sofrer, e muitas vezes nos afastam de Deus, em ações que podem nos transformar em pessoas melhores e contagiar as pessoas que convivem com a gente:

Por exemplo: 
Raiva- Ter mais paciência
Rancor- Saber perdoar
Angústia- Ter esperança

Celebrar
Perguntei:  Qual nossa resposta a Deus? Queremos fazer esta aliança com Deus também? Vamos dizer sim a Deus?
Oração final

Planejamento elaborado por Cris Menezes e aplicado na turma de Crisma

Deus cuida de você!