03 setembro, 2016

Diário de catequese: Os mandamentos

Como eu entendo o tema: 
Os mandamentos nos ensinam a caminhar, orientam nosso caminho, são a luz que ilumina nossa vida. O povo que caminhava no deserto precisava de orientações para continuar caminhando. O povo liberto do Egito estava aprendendo a caminhar. Pense como conviver é difícil. Sempre foi. Surgem conflitos, brigas, divisões, inveja, ciúmes, traições, fofocas. Eu fico imaginando que todas essas coisas começaram a fazer parte do dia-a-dia do povo em êxodo. Então Deus deu aquele povo leis para se viver em harmonia e em paz com Deus e entre eles. O povo liberto das mãos de Faraó não sabia o que fazer com a liberdade que tinha conquistado. Uma catequista comentou que eles estavam livres mas não sabiam viver livres e construíam seus próprios chicotes. (Isso também acontece com a gente hoje? Quais são as nossas prisões? ) Os dez mandamentos funcionam como sinais de trânsito no nosso caminho. Mais é mais que isso. Muitas vezes os 10 mandamentos é a própria estrada que percorremos.
Não caminhamos sem rumo, sem direção, não somos mais um barco à deriva depois de encontramos com Jesus. "Nosso rumo é certo". Nossa estrada tem muitas curvas sinuosas, curvas perigosas, retas sem fim, trechos escuros, por vezes pensaremos que estamos sós. Mas não estamos. 
A maior forma de entender os mandamentos é pensar que podemos substitui-los por apenas dois e teremos dito tudo: "Amar a Deus sobre todas as coisas" e "Amar o próximo como Jesus nos amou". A medida do amor é generosa, é um amor sem limites.
Nada neste êxodo é fácil. Somos fracos, frágeis, reclamamos, sofremos por causa da nossa teimosia de fazermos tudo do nosso jeito sem ouvir o que Deus quer de nós, nos irritamos com o outro, somos imperfeitos. O povo em êxodo somos nós.  Também precisamos de orientações que nos ensinem que caminho seguir, como caminhar. 

Ambientação:
Desenhar uma estrada.
Colocar a Bíblia aberta na ponta desta estrada.
Frases sobre a aliança de Deus com os homens ou frases sobre o amor de Deus.
Coloquei um globo do mundo para lembrar que o mundo oferece muitos caminhos.
E desenhei algumas placas de sinalização e joguei na estrada. Achei interessante as ´placas: curvas sinuosas, pare, perigo e siga em frente.





Iluminação:  Estamos no mês da Bíblia. Aproveitei o evangelho do dia para refletir sobre o que acontece quando seguimos a lei pela lei. A proteção à vida está acima de leis que desrespeitam à vida. Falar dos milagres, curas e outras ações de Jesus no sábado nos lembram que não podemos ser legalistas quando a vida está em risco. O amor é que nos orienta.

Evangelho (Lc 6,1-5)
Leitura do encontro: Ex  20, 1-17

Deus ama você.
Cris Menezes
Catequizando Feliz Blog

Nenhum comentário:

Postar um comentário