Dinâmica de Oração




Entendemos a oração como diálogo com Deus, uma conversa franca entre amigos que se encontram, na vida cotidiana ou em momentos 'especiais'. Vemos que há muitos modos e métodos de oração. Para alguns, é preciso silêncio e contemplação profunda; para outros, é preciso música e dança; para outros, ainda, deve ter um rigor próprio, enquanto há quem prefira a espontaneidade. A catequese pode e deve colaborar para que as pessoas conheçam e vivam momentos orantes, celebrativos, que eduquem para a vida de oração. Desta forma, a catequese ensina a rezar, conforme o Diretório Geral de Catequese aponta em seu número 85. Será importante oferecer aos catequizandos essa variedade, de forma que eles mesmos possam construir uma identidade orante, individual e comunitária. Seguem algumas pistas:

1. Rezar com a Bíblia

A leitura orante, os círculos bíblicos, as celebrações da Palavra, o ofício divino das comunidades, a oração por meio do evangelho do dia ou do domingo, a oração com os salmos são algumas sugestões possíveis. É importante animar o catequizando para buscar a Palavra não somente como conhecimento, mas também como espiritualidade orante.

2. Rezar com símbolos

Água, óleo, perfume, flores, pedras e pão são alguns elementos que podem nos ajudar a criar um ambiente orante e cheio de significado. Pedir perdão e se 'lavar'; pedir a força do Espírito Santo e se ungir; 'sentir' o carinho de Deus por meio das flores e perfumes e ser capaz de partilhar esse afeto com os que caminham conosco, perfumando as outras pessoas; deixar-se tocar pelas pedras, ou caminhar sobre elas, para sentir seu toque, pode ajudar a compreender as dificuldades da vida e a busca da oração como força e alimento para esses momentos difíceis. Flores, pedras e pão podem lembrar os motivos para agradecer e louvar, para pedir perdão e sustento na caminhada.

3. Rezar com música e dança

É importante 'celebrar' com todo o nosso ser. Cantos seguidos de gestos, cantos e danças da religiosidade popular, as danças circulares de tradição judaica (com textos do Antigo Testamento), entre outras.

4. Rezar com o silêncio

A contemplação e a meditação ajudam a criar o clima de silêncio necessário em muitos momentos da nossa vida e que, infelizmente hoje, temos muita dificuldade para vivenciar. Podemos ajudar os catequizandos a fazer o silêncio contemplativo e orante, preparando-os para interiorizar a Palavra proclamada, ou ainda ajudá-los a observar e refletir sobre as graças de Deus em nossa vida ou sobre as dificuldades que encontramos, buscando em Deus a luz necessária para vencê-las.

5. Rezar as fórmulas já escritas

É importante também ter momentos de rezar o Pai-nosso, a Ave-Maria, o Credo, a oração ao Espírito Santo, a oração de São Francisco e de tantos outros santos e santas, a oração do padroeiro da comunidade/paróquia, ou ainda as orações marianas, como o terço e o Angelus, e as orações presentes na liturgia.

6. Rezar espontaneamente

Ter momentos de formular as próprias orações, como as preces da comunidade, pedidos de perdão, louvores a Deus pelas graças e dons que recebemos; ser capaz de rezar pelos outros, pela comunidade, pela sociedade, pela igreja, de colocar intenções de oração.

É importante lembrar que não existe 'um' momento certo para rezar na catequese. Os momentos podem ser variados, tanto no início como durante ou no final dos encontros, em momentos específicos (só para oração) e junto com a comunidade(missa, terços, círculos bíblicos etc.).

(Fonte: Revista Ecoando, Suzana Costa Coutinho)


Catequista Cris Menezes

Comentários

  1. Oi Cris! Vim retribuir a visita ao Jacozinho do Senhor.
    Deus te guarde!

    Luciana Dias

    ResponderExcluir
  2. Oi Cris! Vim retribuir a visita ao Jacozinho do Senhor.
    Deus te guarde!

    Luciana Dias

    ResponderExcluir
  3. Oi Cris! Vim retribuir a visita ao Jacozinho do Senhor.
    Deus te guarde!

    Luciana Dias

    ResponderExcluir
  4. Oi Cris! Nossa oração precisa subir ao céu como incenso perfumado e todo e qualquer recurso que a fundamente é bem vindo! Seu post está muito bom! Bjks Tetê - Manancial

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Campanha da Fraternidade 2017- Por onde começar?

Caça Tesouro- CF 2017

Como falar da Semana Santa com as crianças- Planejamento